A contratação mais bizarra da história?

Kevin-Prince Boateng no Barcelona