Liverpool mostra toda sua superioridade contra o Arsenal

Já são nove partidas em que o Arsenal não consegue vencer o Liverpool, e nesses nove jogos foram cinco vitórias dos Reds. O detalhe é que nessas cinco vitórias o Liverpool marcou 19 gols contra os Gunners, e hoje a diferença entre os dois clubes está cada vez mais clara.

O Liverpool impõe o seu jogo, com o trio de ataque pressionando quase o jogo inteiro e causando um caos nas defesas adversárias. O time do Klopp sufoca o adversário, e nessa vitória por 3×1 contra o Arsenal foi assim por boa parte do jogo… Especialmente no segundo tempo.

No meio campo, Fabinho é um verdadeiro monstro. Ninguém passa por ele, e o brasileiro é fundamental na conexão entre a defesa e o ataque do Liverpool.

Matip abriu o placar contra o Arsenal

O treinador Unai Emery mostrou que não tem coragem para tentar impor as qualidades do seu time num adversário que é mais forte. O treinador espanhol tem à sua disposição um trio de ataque dos mais talentosos da Europa: Aubameyang, Lacazette e o recém-contratado Nicolas Pépé. Mas, num jogo contra um dos melhores times do mundo, Emery deixou o Lacazette no banco de reservas, o colocando em campo depois que já estava 3×0.

Ao meu ver, isso é uma mensagem ao time adversário, de que você não veio para buscar a vitória. Por mais que o outro time seja, de fato, superior (é o caso do Liverpool), você precisa entrar em campo para tentar vencer. Ainda mais sendo o Arsenal.

Por isso mantenho que La Liga ainda é a melhor liga do mundo (melhor, não maior), pois independente do tamanho do time, o mais comum é ver os times entrarem em campo buscando a vitória. Vimos hoje no jogo entre Real Madrid e Real Valladolid, onde o jogo terminou 1×1 e o Valladolid ainda teve uma ou duas chances de vitória… ah, e o jogo foi no Santiago Bernabeu.

Sergi Guardiola comemora o gol de empate do Valladolid

Voltando para o jogo da Premier League, o Liverpool abriu o placar com Matip na reta final do primeiro tempo, e na segunda etapa só deu Reds. Salah ampliou de pênalti (cometido por David Luiz, que fez uma partida bem fraca), e o egípcio fez um terceiro – um golaço. Mo Salah recebeu a bola no lado do campo, perto do meio campo, passou pelo David Luiz com maestria, levou para a entrada da área e bateu na saída do Leno. Golaço!

Torreira ainda diminuiu para o Arsenal no finalzinho, mas a vitória já estava decretada.

O Liverpool é o único time com 100% de apeoveitamento na Premier League. Já são 12 vitórias seguidas na EPL (a melhor sequência da sua história), e mais de 40 jogos sem derrotas em Anfield, que passará por uma pequena reforma ao final da temporada para ampliar uma seção das arquibancadas do estádio, subindo de 44 mil pessoas para 50 mil.

Até a próxima…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s