O prêmio FIFA The Best perde mais credibilidade a cada ano que passa

No ano passado Messi foi o 5⁰ colocado. Nesse ano um potencial “top 3” nem ficou entre os 10 primeiros!

A FIFA anunciou os 10 finalistas para o prêmio The Best 2019, dado ao melhor jogador do mundo, e como já era esperado, é uma lista mais que questionável… Alguns nomes que ficaram de fora são imperdoáveis.

Vamos olhar para cada nome e ver se deveria estar na lista, ou se algum outro nome merecia mais.

Os nomes que são inquestionáveis dessa lista são Lionel Messi e Virgil Van Dijk – a briga deve ficar entre esses dois.

Sadio Mané, Eden Hazard e Cristiano Ronaldo, ao meu ver, são 100% merecedores de estarem nessa lista, e eu manteria o Kylian Mbappé.

Os outros quatro estão por nome!

Salah e Kane não fizeram grandes temporadas – ficaram longe do nível da temporada anterior e não mereciam estar na lista. Olhando para a própria Premier League, Bernardo Silva e Alisson fizeram temporadas muito melhores que Salah e Kane… muito melhores!

Os dois foram absolutamente chave para termos a temporada inesquecível que tivemos na Inglaterra. O Bernardo foi um verdadeiro monstro pelo City, e não vamos esquecer que também jogou muita bola pela Seleção de Portugal na Nations League.

O Alisson faturou a luva de ouro na Champions League e na Copa América, e foi incrível na Premier League.

A ausência desses dois é o que mostra que esse prêmio não pode ser levado muito a sério.

Já os dois jovens holandeses, De Ligt e De Jong, figuram na lista pelo grande potencial que têm e pelas suas grandes transferências para Juventus e Barcelona. A realidade é que eles nem foram os melhores jogadores do Ajax – Dusan Tadic foi muito melhor e mais decisivo, tanto na Eredivisie quanto na Champions League. Não é dizer que De Ligt e De Jong não foram excelentes (eles foram), mas não para estar entre os 10 melhores do mundo.

Um caso poderia ser feito pelo Raheem Sterling, que foi fantástico pelo City na temporada, mas sua ausência não é um absurdo.

Porém, sem Bernardo, Alisson e Tadic, esse prêmio FIFA The Best fica mais ridículo ainda. Mostra que essas premiações não deveriam ser uma meta principal de jogador algum, pois fica difícil levar a sério ao ver essa lista dos 10 finalistas.

Até a próxima…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s