A péssima sequência de contratações do Barcelona

Em 2013 o Barcelona contratou Neymar, e apesar de ter sido uma transferência conturbada e mal explicada, é inegável que o brasileiro teve muito sucesso no clube e acabou sendo um excelente negócio pelo que apresentou (o melhor futebol da sua carreira) e pelo valor que foi vendido ao PSG (€222 milhões).

No ano seguinte chegaram três dos jogadores mais importantes do clube até os dias de hoje: Luis Suarez, Ivan Rakitic e Ter Stegen – três excelentes negócios. Porém, nessa mesma temporada (2014/15) começamos a ver o Barcelona fazer vários negócios muito bizarros (não só pelo financeiro, mas especialmente pelo perfil dos jogadores).

Esses são os principais negócios do Barcelona nas janelas de transferências desde a temporada 2014/15 (valores do site Transfermarkt).

2014/15

Luis Suarez – €81,7 milhões

Ivan Rakitic – €18 milhões

Marc-André ter Stegen – €12 milhões

Jérémy Mathieu – €20 milhões

Thomas Vermaelen – €19 milhões

Claudio Bravo – €12 milhões

Douglas – €4 milhões

2015/16

*Ano em que o Barcelona estava proibido de contratar – esses jogadores ainda ficaram seis meses sem jogar, só treinando.

Arda Turan – €34 milhões

Aleix Vidal – €17 milhões

2016/17

André Gomes – €37 milhões

Paco Alcacer – €30 milhões

Samuel Umtiti – €25 milhões

Lucas Digne – €16,5 milhões

Jasper Cilessen – €13 milhões

* Daniel Alves saiu de graça

2017/18

Philippe Coutinho – €130 milhões

Ousmane Dembélé – €120 milhões

Paulinho – €40 milhões

Nelson Semedo – €35,5 milhões

Gerard Deulofeu – €12 milhões

Yerry Mina – €11,8 milhões

Marlon – €5 milhões

2018/19

Malcom – €41 milhões

Clément Lenglet – €35,9 milhões

Arthur – €31 milhões

Arturo Vidal – €18 milhões

Kevin-Prince Boateng – empréstimo de €2 milhões

Jeison Murillo – empréstimo de €1,2 milhões


É claro que alguns negócios foram muito bons. Para essa temporada, sem dúvida a contratação do Arthur foi a melhor … de longe. A do Umtiti em 2016 também se destaca, não só pela qualidade do zagueiro mas pelo ótimo preço.

Coutinho e Dembélé ainda são incógnitas devido ao altíssimo valor pago por ambos.

Porém, são muitos destaques negativos de jogadores que não têm nada a ver com a filosofia e nível do clube. Jogadores como Mathieu, André Gomes, Paulinho, Mina, Malcom e outros simplesmente não têm futebol para jogar no Barcelona – só nesses cinco o Barcelona desembolsou €150 milhões. Para ter uma ideia, o Liverpool gastou €125 milhões com Firmino, Mané e Salah.

O Barcelona precisa voltar a olhar para a sua base … para o desenvolvimento de grandes talentos. É claro que não dá para esperar que em toda geração venha um Puyol, um Xavi, um Iniesta e um Messi. Mas, dá para esperar jogadores melhores que Douglas, André Gomes e Kevin-Prince Boateng.

Até a próxima …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s