20 dos principais rumores do mercado da bola na Europa

Com a janela de transferências de janeiro prestes a abrir, muitos clubes estão se preparando para tentar aquela contratação certeira que possa ajudar o time a melhorar na segunda metade da temporada.

Com isso, muitos rumores estão circulando os jornais europeus de jogadores que podem deixar os seus clubes e times que estão de olho em jogadores específicos.

Esses são alguns dos principais rumores do mercado da bola na Europa, no momento.

Isco (Real Madrid)


Escrevi aqui recentemente sobre os problemas de Isco no Real Madrid de Santiago Solari. O treinador dá preferência a Dani Ceballos … é óbvio que tem um problema aí. Afinal, estamos falando do segundo melhor meia atacante do mundo de acordo com a lista da ESPNFC dos melhores do mundo.

O City de Guardiola é fã do Isco, e outros como o PSG e o Chelsea estarão de olho na situação. De acordo com alguns sites importantes do mundo da bola, como o “Goal“, Isco custaria por volta de €90 milhões (no mercado atual não é nada mal para alguém do nível do Isco).

Paul Pogba (Manchester United)


Todos já sabem dos problemas entre Pogba e Mourinho. Alguns jornais de Manchester dizem que Pogba só fica no United além dessa próxima janela de transferências se Mourinho sair.

Por mais que Pogba tem sido uma decepção (veja aqui), o mundo do futebol ainda vê o meia francês com bons olhos, especialmente depois da ótima Copa do Mundo que ele fez. A Juve nunca escondeu que gostaria de levá-lo de volta a Turim, e o Barcelona é admirador de longa data. E, o PSG também precisaria ser considerado.

Zlatan Ibrahimovic (LA Galaxy)


Aos 37 anos de idade Zlatan chegou à MLS e marcou 22 gols em 27 jogos pelo Galaxy … e o Milan gostou do que viu, tanto que tenta levar Ibra de volta ao San Siro. Recentemente o sueco disse que sua preferência é ficar no Galaxy pois sua família adora morar em Los Angeles, mas veremos o quanto o Milan vai puxar para fechar esse contratação, que provavelmente seria apenas por seis meses.

Matthijs de Ligt (Ajax)

Um dos zagueiros mais requisitados da atualidade, o jovem De Ligt atrai a atenção dos maiores clubes do mundo, como Barcelona e Bayern de Munique. Naturalmente, o Ajax vai querer mantê-lo pelo menos até o final da temporada, mas com as dificuldades defensivas do Barcelona, não me surpreenderia ver uma investida forte já em janeiro.

Aaron Ramsey (Arsenal)

Ainda não entendo a decisão do Arsenal de não renovar o contrato de Aaron Ramsey, que termina no fim dessa temporada. Antes do início da temporada eu escrevi que considerava Ramsey o jogador mais importante do Arsenal (junto com Aubameyang), e acho um erro absurdo deixá-lo sair de graça no meio do ano ou por um valor baixo agora em janeiro … e não faltam interessados no galês.

Barcelona, Liverpool, Chelsea, Juventus, Real Madrid e vários outros têm interesse, e o Arsenal vai perder o seu melhor meia.

Toby Alderweireld (Tottenham)


Parecia certo que Alderweireld iria para o Manchester United antes do início da temporada, mas o Tottenham resistiu. Porém, ao final dessa temporada a sua multa rescisória cairá para apenas £25 milhões, então é possível que o Tottenham aceite negociar o belga por algo em torno de £40 milhões.

Além do United, times como Barcelona, Chelsea e vários outros monitoram a situação.

Frenkie de Jong (Ajax)

O meio campista holandês tem o interesse do Manchester City e do Barcelona, e o próprio De Jong já declarou que é fã do estilo de futebol praticado pelas duas equipes. Porém, parece que o PSG acaba de entrar na parada, então a questão é: ele sai em janeiro ao fim da temporada?

De Jong disse que quer ficar até o fim da temporada, mas com o Ajax fora do mata-mata da Champions League, o clube pode estar disposto a negociar caso receba uma oferta boa demais para ignorar (ainda mais com um quarto gigante, o Bayern de Munique, também declarando seu interesse).

Alexis Sanchez (Manchester United)


Ele escolheu o dinheiro do United ao invés da qualidade do City … hoje fica claro que, futebolisticamente falando, a escolha foi bem errada. Ele não quer ficar nesse United do Mourinho, o problema é que ninguém vai pagar o salário absurdo que ele recebe do United (mais de £400 mil por semana, o maior da Premier League).

Essa é uma transferência com maior probabilidade de acontecer ao fim da temporada, mas no desespero de janeiro, algo pode acontecer.

Cesc Fabregas (Chelsea)

Hoje Fabregas é reserva absoluto no time de Sarri, jogando mais em partidas da Copa da Liga ou em situações mais emergenciais. Mas, o Milan tem forte interesse no espanhol e quer levá-lo ao San Siro em janeiro, podendo oferecer muito mais tempo dentro de campo. Provavelmente será uma decisão que caberá ao treinador. De qualquer maneira, se não sair agora, sairá no meio do ano.

Benjamin Pavard (Stuttgart)

O jovem francês se apresentou ao mundo na Copa da Rússia, e hoje, com a dificuldade de encontrar um bom lateral-direito, Pavard está atraindo a atenção de vários grandes times da Europa. Considerando que ele joga num time (hoje) mediano na Alemanha, é bem provável que Pavard esteja vestindo uma camisa de mais peso a partir de janeiro. Se o Stuttgart conseguir segurá-lo agora, certamente sairá no fim da temporada.

Malcom (Barcelona)


Não é segredo que Malcom esperava ter mais oportunidades no Barcelona, mas conforme escrevi aqui, seria difícil mesmo com o poder ofensivo do clube. Sendo assim, é natural que uma saída por empréstimo seja possível. Resta ver se o Barcelona abrirá mão do brasileiro, que acaba sendo uma boa opção ofensiva na ausência de Coutinho ou Dembele.

Krzysztof Piatek (Genoa)


Artilheiro da Serie A com 10 gols em 14 rodadas, Piatek é um dos nomes do momento. Times como Barcelona, Real, Chelsea, Napoli, Bayern e outros demonstram interesse, mas a situação do Chelsea é a mais urgente com o nível atual dos seus dois centroavantes, Morata e Giroud – uma investida já em janeiro é possível.

Olivier Giroud (Chelsea)


O Chelsea precisa melhorar o seu poder ofensivo, conforme disse acima, e se Piatek chegar, certamente será o fim de Giroud nos Blues.

Adrien Rabiot (PSG)


O excelente meio campista do PSG já deixou claro que não pretende renovar o seu contrato com o clube, que termina no final dessa temporada. Considerando os problemas de Fair Play Financeiro da FIFA, é bem possível que o clube devida vender para levantar fundos para contratar.

O Barcelona tentou antes do início da temporada e deve tentar de novo. Guardiola está buscando um meio campista e Rabiot pode ser a solução. Tottenham, Liverpool e Arsenal (especialmente com a situação de Ramsey) também estão alertas.

Kalidou Koulibaly (Napoli)

Talvez o zagueiro mais desejado da atualidade, Koulibaly tem interesse de praticamente todos os gigantes da Europa. De acordo com jornais na Itália, Aurelio De Laurentiis (presidente do Napoli) já recusou uma oferta de pouco mais de €100 milhões do United por Koulibaly, portanto qualquer clube que queira contar com o excelente zagueiro senegalês terá que desembolsar norte de €120 milhões.

Lembrando que estamos falando de um presidente que conseguiu €90 milhões por Gonzalo Higuain, então negociar com De Laurentiis não é nada simples.

Ousmane Dembele (Barcelona)


Que situação complicada! Os problemas extra campo de Dembele já são conhecidos, mas recentemente o seu futebol melhorou e o francês tem até decidido jogos para o Barcelona. Será que ele vai ser negociado?

Clubes como o Arsenal e Liverpool têm interesse, então se decidir negociar, interessados haverão. O PSG também é uma possibilidade, mas aí provavelmente só seria após o final da temporada quando o futuro de Neymar pode ser decidido.

Anthony Martial (Manchester United)


O seu contrato termina em seis meses, e apesar de ter uma opção de estender por mais um ano, o United ainda não exerceu essa opção. Assim como com Pogba, o futuro de Martial deve depender na permanência ou não de Mourinho.

Clubes como Bayern de Munique e Juventus gostam muito de Martial e acompanharão a situação.

Denis Suarez (Barcelona)

Alguns clubes da Itália demonstraram interesse em Suarez no meio do ano, e agora o Chelsea analisa uma possível tentativa de contratar o meio campista do Barça, que não consegue minutos no time de Valverde fora da Copa do Rei e de minutos finais de partidas praticamente decididas.

Brahim Diaz (Manchester City)

Um de vários jovens talentos do City, o espanhol Diaz é destaque (atrás apenas de Phil Foden). O problema é que, num time recheado de talento do meio campo, minutos para Diaz são mais raros, e com isso o garoto de apenas 19 anos está pensando em deixar o City em janeiro atrás de mais minutos em campo.

Um gigante que já demonstrou interesse é o Real Madrid, mas aí seria de forma permanente e provavelmente apenas ao fim da temporada. Então, um empréstimo em janeiro parece mais possível, e não faltarão interessados no talentoso meio campista.

Victor Moses (Chelsea)

Moses foi parte essencial do Chelsea na primeira temporada de Conte no Chelsea, mas na segunda já perdeu um pouco de espaço e com Sarri se tornou um mero coadjuvante, com aparições apenas nos últimos minutos de algumas partidas.

West Ham e Wolverhampton têm interesse real em Moses, e devem tentar levá-lo por empréstimo agora em janeiro.

Até a próxima …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s