Arsenal vence a décima seguida

Quem assistiu só o primeiro tempo viu um Arsenal que saiu perdendo e poderia ter levado mais, e ter ficado com um homem a menos – isso porque antes de abrir o placar o árbitro Christopher Kavanagh (incrivelmente) não viu uma mão de Rob Holding dentro da área, que deveria ter resultado num pênalti e no segundo cartão de Holding na partida.

Mas, aos 45 minutos Ozil cancelou o gol contra de Bellerin, finalizando um belíssimo contra-ataque dos Gunners.

No segundo tempo o jogo estava lá e cá, inclusive com o Leicester mandando uma bola na trave do goleiro Bern Leno. Mas, a noite era de Mesut Ozil. Depois de empatar o jogo, o alemão deu um passe absurdo (que poucos são capazes de dar) para Bellerin, que desmontou a defesa do Leicester. Bellerin só teve o trabalho de passar para Aubameyang, que havia acabado de entrar, para tocar pra rede.

Minutos depois Ozil deu a assistência para Auba marcar o seu segundo gol em três minutos e matar a partida … e foi uma pintura de gol coletivo.

A sequência do Arsenal, de 10 vitórias seguidas em todas as competições, é impressionante. Porém, o que ficou de destaque para mim hoje foi a partida de Ozil … e aquela eterna pergunta: porque o cara não consegue fazer isso com consistência?

Até a próxima …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s