As dificuldades do novo Real Madrid

O Real Madrid venceu a sua quarta UEFA Champions League em cinco anos em maio desse ano, mas analisando esse grupo, uma renovação seria necessária em breve, de qualquer maneira. Afinal, apesar do sucesso na Champions, o Real terminou La Liga 17 pontos atrás do Barcelona, e na caminhada para o título europeu o clube merengue contou com muita sorte, um pouco de ajuda e partidas absurdas do Cristiano Ronaldo, que não está mais lá.

Sem contar que do time que entrou em campo contra o Liverpool na final da Champions League em Kiev, cinco jogadores já estão pra lá dos 30 – Marcelo, Sergio Ramos, Modric, Benzema e o próprio Cristiano.

O problema é que o Zidane não estava pronto para passar por uma reformulação, tendo que dizer adeus a alguns jogadores que foram importantes nas suas conquistas, como Keylor Navas, que deve abrir caminho para a provável chegada de Courtois (ou algum outro número 1).

Logo após a inesperada saída de Zidane veio a saída (talvez não tão inesperada) do craque português.

Considerando as dificuldades que o Real está tendo para trazer um substituto para CR7 (Neymar, Mbappe e até mesmo o Hazard), tudo indica que o atual tri-campeão europeu terá um temporada de transição.

Quem será o centroavante do Real Madrid na temporada 2018/19?

Na última temporada foi mais o Cristiano Ronaldo, e as vezes o Benzema. Muito foi falado de Harry Kane, mas o Real não deu indicação de que irá atrás dele. Icardi é um interesse mais antigo, mas o Real também não fez nada até agora nessa janela.

Tudo indica que continuará sendo Karim Benzema, e dependendo das variações táticas de Lopetegui, um falso 9 em alguns momentos. Lembrando que o jovem Borja Mayoral também pode ter mais oportunidades se ninguém chegar.

Quem será “o cara” do time?

Se, de fato, o Real acabar não trazendo algum nome de peso nessa janela, veremos que será o foco principal do Real Madrid na temporada 2018/19. Alguns jornais espanhóis já reportam que o Real desistirá de Hazard pelo valor exigido pelo Chelsea (£200 milhões), e que o foco será Isco. O meia atacante espanhol é um verdadeiro craque, capaz de liderar o Real.

Porém, não podemos esquecer de Gareth Bale. Ainda acho o galês um jogador especial, e se ele conseguir ficar longe das lesões, tem tudo para se tornar o jogador que o Real Madrid esperava alguns anos atrás.

Pessoalmente, eu iria de Gareth Bale como “o cara” do time.

De qualquer maneira, o Real Madrid começa uma fase diferente, com muitas questões e, certamente, começa a temporada abaixo dos seus rivais (se não contratar ninguém de peso) … fazia tempo que não víamos isso.

Até a próxima …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s