Coutinho salva Seleção de vexame

Não se engane pelo placar de 2×0. Foram dois gols nos acréscimos, numa partida onde o Brasil teve muita dificuldade para vencer uma fraquíssima Costa Rica.

No primeiro tempo o Brasil cruzou uma bola na área a cada três minutos, e começou o segundo tempo cruzando uma a cada dois minutos. Não se faz isso com o talento a disposição.

Com Douglas Costa e Firmino o Brasil claramente melhorou, e daí passou a merecer os três pontos. Mesmo assim, alguns pontos preocupam.

Neymar, mesmo sendo menos individualista hoje, não consegue levar perigo. Gabriel Jesus não chegou na Rússia ainda – já passou da hora do Firmino assumir a posição. Paulinho também ainda não jogou e precisa perder a titularidade (Fred e Fernandinho melhorariam o time). Sem contar que Douglas Costa mostrou que precisa ser titular no lugar do Willian, por um fato muito simples: é mais jogador, e mostrou isso hoje.

Mesmo com tudo isso, o grande ponto negativo foi a mergulhada ridícula do Neymar, numa jogada em que ele deveria ter pelo menos tentado o gol ao invés de se jogar por um contato mínimo dentro da área (legal o uso do VAR para reverter e anular o pênalti).

Destaque para Coutinho, que é disparado o melhor jogador da Seleção nessa Copa até agora. Vale mencionar a partida segura.de Fagner, que foi inteligente e não tentou fazer muita coisa … não deu chance ao azar.

Agora é pensar nessas mudanças mais que necessárias (Douglas Costa e Firmino) para a sequência da Copa do Mundo. Se não, fica difícil imaginar esse time fazendo algo importante na Rússia.

Até a próxima …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s