Argentina apática e confusa só empata com heróica Islândia

A Argentina, assim como o Brasil e outros gigantes, sempre tem chance de vencer. Porém, para essa bagunçada Argentina conseguir alguma coisa nessa Copa do Mundo, precisará não só de um Messi jogando no seu mais alto nível, mas seus companheiros precisarão aparecer – nenhuma das duas coisas aconteceram hoje contra a Islândia.

Como era esperado, a Argentina dominou a posse de bola (mais de 70%) – mas levou pouco perigo a meta dos estreantes em Copas do Mundo.

Aguero abriu o placar contra a Islândia

Aguero abriu o placar aos 19 minutos com um belo gol individual, mas quatro minutos depois Alfred Finnbogason aproveitou erros da defesa desastrosa argentina e marcou o primeiro gol da história da Islândia numa Copa do Mundo.

O lance mostrou que essa defesa vai sofrer para não levar muitos gols na Copa. Com a exceção de Otamendi, são jogadores improvisados e reservas na defesa – Caballero, Rojo jogando como zagueiro (já é ruim na lateral), Salvio a Tagliafico nas laterais. Não inspira nenhuma confiança.

Porém, mais do que o problema da defesa que todos já conhecíamos, ver o Sampaoli escalar o Meza no ataque ao invés do craque Dybala é incompreensível. E se isso não fosse o suficiente, Dybala sequer entrou no jogo e o Meza, que foi inútil o jogo todo, só foi substituído aos 39 minutos do segundo tempo.

Para um treinador que ficou conhecido pelo seu estilo ofensivo, é uma pena ver ele fazer substituições tão covardes contra um time que só se defende (ex: tirou o Di Maria para colocar o Pavon, ao invés de tirar um meio campista).

A Argentina, que não contou com um Messi inspirado (até perdeu pênalti), sofreu demais para criar qualquer coisa contra um time de muita força física e disciplina, mas pouca técnica.

Foi um resultado merecido pela briga que mostrou a Islândia, e pela apatia dos hermanos. Se não se cuidar a Argentina não só ficará em segundo no grupo, mas poderá até ficar se fora das oitavas de final. Na Copa de 2014 a Argentina foi se classificando muito poe causa da (surpreendente) solidez defensiva, algo que não existe hoje.

A Argentina e a Islândia ainda enfrentam a Croácia e a Nigéria.

Até a próxima …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s