As 10 melhores e as 10 piores contratações da temporada 2017-2018

Estamos chegando ao fim de mais uma temporada europeia. Quatro das cinco principais ligas já têm um campeão (na Itália a Juventus está com uma mão na taça) e agora só faltam algumas copas nacionais e a final da UEFA Champions League.

Com isso, é hora de olhar para as contratações que causaram maior impacto positivo e negativo. Lembrando que isso é baseado no retorno dado nessa temporada, e não no potencial retorno que o jogador pode dar.

MELHORES

• Mohamed Salah – €42 milhões

Essa é fácil demais. Disparado a melhor contratação do ano … a melhor dos últimos anos tanto pelo retorno dentro de campo quanto pelo possível retorno financeiro se o Liverpool decidir vender. O finalista da Champions contratou um jogador que era para compor o elenco e acabou com um dos melhores jogadores do ano.

• Ederson- €40 milhões

A contratação mais importante do City na temporada. Um goleiro que passa segurança ao time todo – faz excelentes defesas e joga muito bem com os pés. Depois do De Gea, talvez já seja o melhor goleiro da Premier League.

• James Rodriguez (empréstimo) – €13 milhões com opção de compra por mais €33 milhões

O colombiano foi uma das estrelas da Copa do Mundo de 2014 no Brasil, e muito por isso Florentino Perez o levou ao Santiago Bernabeu logo após a copa. Porém, acabou ficando esquecido depois da chegada de Zidane e no início dessa temporada foi emprestado ao Bayern de Munique. O contrato de empréstimo é de dois anos, mas o Bayern já indicou que deve comprar o passe de James após a melhor temporada da sua carreira. Foi mais um EXCELENTE negócio do campeão alemão.

• Nemanja Matic – €45 milhões

Ninguém consegue entender o Chelsea abrindo mão de Matic para trazer o Bakayoko (está na lista abaixo). Ele entrou e imediatamente tomou conta do lado defensivo do meio de campo do Manchester United. Os Red Devils gastaram muita grana com contratações que fizeram mais barulho, mas Matic foi o melhor de todos.

• Andy Robertson – €10 milhões

O lateral chegou de Hull sob bastante confiança, muito por não ser conhecido e chegar para uma posição que era um enorme problema para o Liverpool. Depois de começo difícil, o escocês se ajeitou em Anfield e tomou conta da posição com ótimas atuações em jogos importantes. Ainda precisa melhorar um pouco o seu futebol defensivo, mas apoia muito bem e resolveu um dos problemas do finalista da Champions.

• Jordan Pickford – €29 milhões

O Everton gastou muito dinheiro na última janela de transferências, e grande parte não foi bem investido, mas o dinheiro gasto com Pickford foi muito bem gasto. O jovem de apenas 24 anos de idade já um dos melhores na Premier League, e se o Everton não melhorar logo devemos ver Pickford ir para um dos gigantes em breve.

• Virgil van Dijk – €79 milhões

Sim, o valor pago foi um absurdo (zagueiro mais caro da história, por enquanto). Porém, a defesa do Liverpool precisava tanto de um bom zagueiro que a chegada de Van Dijk elevou os Reds de patamar. Sem Van Dijk, o time provavelmente não chegaria na final da Champions. Ele não resolveu tudo (afinal, seu parceiro ainda é o Lovren), mas ajudou demais.

• Milan Skriniar – €23 milhões

Chegou de forma discreta mas acabou sendo a melhor contratação da Inter de Milão. Skriniar tem sido um dos melhores zagueiros da Serie A e seu nome já foi especulado em times da Premier League por mais do que o dobro do valor pago pela Inter.

• Douglas Costa (empréstimo) – €6 milhões com opção de compra por mais €40 milhões

Muito parecido com a situação do James Rodriguez – estava encostado, e a Juventus aproveitou e levou o brasileiro do Bayern para Turim, e deve concretizar a contratação ao fim da temporada. Douglas Costa fez uma ótima temporada, especialmente no segundo semestre.

• Leonardo Bonucci – €42 milhões

Continua sendo um dos melhores zagueiros do mundo. Seus colegas defensivos do Milan claramente não estão perto do seu nível, o que pesou um pouco no seu desempenho, mas é uma contratação gigante.

○ Quase entraram na lista: Antonio Rudiger (Chelsea), Blaise Matuidi (Juventus), Niklas Sule (Bayern de Munique), Davinson Sanchez (Tottenham).

PIORES

• Ousmane Dembélé – €105 milhões

Equivocadamente foi contratado para o lugar do Neymar. Dembélé é um enorme talento, e provavelmente será um grande jogador, mas era óbvio que ainda não estava pronto. O valor foi simplesmente absurdo por um jogador que ainda precisava amadurecer. Deve ser emprestado na próxima temporada para ganhar mais experiência.

• Tiemoue Bakayoko – €40 milhões

Conforme escrevi acima, a troca que o Chelsea fez foi difícil de compreender. Ele ainda pode mudar sua história em Stamford Bridge, mas por enquanto a contratação de Bakayoko foi em grande erro da diretoria do Chelsea.

• Fernando Llorente – €18 milhões

O Tottenham queria um reserva para Harry Kane que pudesse entrar e não deixar a qualidade cair tanto … mas não foi o caso. Llorente não conseguiu fazer nada de interessante na sua primeira temporada nos Spurs, entrando apenas no fim das partidas, e já deve sair.

• Andre Silva – €38 milhões

O Milan tinha uma expectativa muito alta com o jovem português, mas a primeira temporada de Andre Silva na Itália foi um enorme fracasso. Ele tem apenas 22 anos de idade, então ainda deve melhorar, mas seu primeira ano foi muito abaixo do esperado.

• Theo Hernandez – €26 milhões

Era para ser o reserva imediato do Marcelo no Real Madrid, e foi disputado pelo Barcelona, mas em sua primeira temporada no Real Hernandez não conseguiu passar confiança.

• Renato Sanches (empréstimo) – €8,5 milhões

Que decepção. Há dois anos o jovem Renato Sanches fez uma Eurocopa sensacional pela seleção de Portugal logo depois de ser contratado pelo Bayern de Munique por €38 milhões, o que acabou parecendo um excelente negócio. Porém, Sanches só piorou e nessa temporada foi emprestado ao Swansea, time que briga para não ser rebaixado, e não conseguiu jogar. Dá para dizer que o Swansea jogou dinheiro fora.

• Gylfi Sigurdsson – €50 milhões

A maior contratação do Everton. O islandês está longe de ser um jogador ruim, mas quando você paga €50 milhões por um jogador, ele precisa chegar para melhorar o seu time consideravelmente, e isso não aconteceu. Não é por acaso que o Everton brigou na parte de baixo da tabela por boa parte da temporada.

• Ross Barkley – €18 milhões

A diretoria do Chelsea decidiu trazer Barkley ao clube, contra a vontade de Antonio Conte e mesmo considerando seu péssimo comportamento no Everton. Depois de algumas partidas já ficava claro que o Chelsea havia cometido mais um erro.

• Serge Aurier – €26 milhões

Já era um problema no PSG, e mesmo assim o Tottenham decidiu pagar €26 milhões para contratar Aurier … mais um investimento mal feito do clube londrino.

• Neymar – €222 milhões

Sei que é um nome estranho de incluir na lista, mas quando Neymar decidiu ir ao PSG, virou obrigação ele chegar à capital francesa dominando … e não foi o que aconteceu. Ele ajudou o PSG a bater em peixe morto na França e caiu nas oitavas da Champions League. Não conseguiu sequer superar Cavani como artilheiro do time, e dividiu o elenco com suas atitudes egoístas e imaturas.

O PSG provavelmente irá vendê-lo por mais dinheiro, mas em termos futebolísticos não foi um bom negócio, e em breve Neymar deve sair pela porta dos fundos do PSG, assim como fez no Barcelona e no Santos.

○ Quase entraram na lista: Davy Klaassen (Everton), Nelson Semedo (Barcelona), Guilherme Arana (Sevilla), Yerry Mina (Barcelona).

Você concorda? Quem faltou? Deixe seu comentário aqui ou no Facebook.

Até a próxima …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s