Festa em Anfield com vitória gigante do Liverpool contra o City

Não é nenhum absurdo o Liverpool vencer o Manchester City … longe disso. Afinal, esse Liverpool já mostrou que é capaz de, no seu dia, vencer qualquer um. Mas, nem o maior torcedor dos Reds poderia esperar um 3×0.

Esse Liverpool do Jurgen Klopp realmente mostrou todo o seu poder ofensivo no primeiro tempo – os três gols vieram em apenas 19 minutos. Salah abriu o placar, Oxlade-Chamberlain aumentou e Mané fechou.

Defesa do City desolada

Do lado do City, a defesa deixou muito a desejar no primeiro tempo. Walker falhou no primeiro gol e Otamendi no segundo – quando falha assim, fica difícil conquistar um resultado positivo na UEFA Champions League.

Para o segundo tempo o Manchester City voltou se impondo, mas pecou demais no último toque e, pela primeira vez na temporada, o City não acertou um chute sequer no alvo do goleiro Karius.

Guardiola poderia (e deveria) ter voltado com Sterling logo no início do segundo tempo, mas inexplicavelmente demorou para colocar o ex-atacante do Liverpool no lugar do Gundogan, que fez uma partida bem fraca.

A vantagem é incrível, e certamente a mais inesperada dessas quartas de final da UEFA Champions League, mas considerando o poder do Manchester City, nada está decidido. Uma virada do City na semana que vem no Estádio Etihad não é provável, mas não é nada impossível.

No outro confronto do dia, o Barcelona recebeu a Roma e venceu por 4×1 de forma que tem se tornado típica nessa temporada: nada bonito, mas extremamente eficiente. Os dois primeiros gols do Barça foram contra, que obviamente foram duas duchas de água fria para uma Roma que jogava bem e conseguia pressionar a saída de bola do clube catalão e levava perigo.

Mas o Barcelona foi melhor – ainda teve um gol de Pique e o primeiro de Luis Suarez nessa edição da Champions League. Para a Roma, foi Dzeko quem descontou, mas esse é mais um confronto que já parece estar decidido.

Ao meu ver, o confronto mais aberto ainda é o inglês. É claro que o placar diz que Bayern e Sevilla está mais aberto, mas considerando a qualidade dos times envolvidos, o City é o mais capaz de conseguir uma virada no jogo de volta.

A semana que vem promete!

Até a próxima …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s