Show em Anfield mostra força do ataque dos Reds e expõe o Arsenal

Foi um verdadeiro show de futebol do Liverpool contra o Arsenal … 4×0 e poderia ter sido mais. O time de Jurgen Klopp mostrou toda sua força ofensiva contra um Arsenal medíocre, que inexplicavelmente entrou em campo com Danny Welbeck liderando o ataque e Alexandre Lacazette (contratação mais cara da história do clube) no banco de reservas.

Hoje o ataque dos Reds mostrou que a melhor coisa no momento é negociar Philippe Coutinho com o Barcelona. Estamos falando de mais de €100 milhões mais valores futuros relacionados ao desempenho do atleta. Com isso Klopp poderia reforçar onde realmente precisa: a defesa.

Os quatro gols de hoje foram marcados pelo trio Mané – Salah – Firmino e o substituto Sturridge. Aliás, não entendo quem hoje diz que jogadores como Jô ou Henrique Dourado deveriam ser convocados para a Seleção a frente de Firmino – o brasileiro jogou demais hoje (de novo), e é a melhor opção para a reserva de Gabriel Jesus.

Esse trio mostrou que pode ser o mais temido da Premier League. Todos são muito rápidos e se movimentam com inteligência. Com os passes de Emre Can, Wijnaldum, Henderson e Lallana (quando voltar de lesão), esse ataque será muito difícil de parar.

A fraca defesa não foi testada hoje, muito pelo confuso e horroroso desempenho do Arsenal, mas o Liverpool precisa contratar pelo menos um zagueiro muito bom para formar dupla com Matip, especialmente na Champions League (Van Dijk seria excelente porém caro – Geromel seria uma opção bem interessante) – com Lovren o time terá os mesmos problemas da última temporada, concedendo muitos gols.

Se Klopp concertar os problemas defensivos da temporada passada, o Liverpool certamente vai brigar pelo titulo inglês, que deve ser o foco do clube (não ganha desde 1990). Se não, será mais um ano frustrante para o torcedor dos Reds.

Do lado do Arsenal, tudo indica que será mais um ano complicado. Porque Wenger não manteve a formação com três atrás, que deu tão certo no fim da temporada passada? Porque deixou Lacazette na banco no primeiro clássico da temporada (para que contratá-lo então)? E, considerando isso, porque Alexis Sanchez ficaria?

É claro que estamos apenas no início da temporada, mas os sinais apontam para um Liverpool muito bacana de assistir e um Arsenal sofrendo mais um ano sob o comando de Wenger.

O que você acha? Deixe sua opinião e compartilhe.

Até a próxima …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s