Real Madrid se classifica, mas com muita polêmica 

O Real Madrid está em sua sétima semifinal consecutiva de Champions League após um jogaço contra o Bayern, mas chegou lá com muita polêmica, o que acabou tirando um pouco o brilho desse show de futebol.

O primeiro tempo foi mais do Real, mas acabou no 0x0. 

Foi o segundo tempo que trouxe emoção (e polêmica) de sobra.

O Bayern marcou o primeiro gol com menos de 10 minutos, num pênalti de Casemiro em Robben, convertido por Lewandowski.

O pênalti foi claro, mas Casemiro deveria ter levado o seu segundo cartão amarelo – primeira polêmica.

Aos 76 minutos Cristiano Ronaldo empatou o jogo de cabeça – gol que colocava o Real nas semis.

Mas, menos de dois minutos depois, Sergio Ramos marcou um gol contra e colocou o Bayern de volta na frente.

Bayern comemora gol da vitória do tempo regulamentar

A cinco minutos do final do tempo regulamentar veio mais uma polêmica – a expulsão de Vidal.

O chileno, que poderia ter levado seu segundo cartão amarelo no início do segundo tempo, foi expulso numa jogada onde nem sequer cometeu falta.

Com o jogo indo para a prorrogação, obviamente isso mudaria o jogo. Mas, a grande polêmica ainda estava por vir.

No final do primeiro tempo da prorrogação Sergio Ramos cruzou a bola da intermediária para CR7 – só que o português estava muito impedido.

Cristiano Ronaldo comemora o gol da classificação

O bandeirinha “não viu” e o gol (naturalmente) desestabilizou o Bayern de Munique, que já tinha a dificuldade de jogar uma prorrogação com um jogador a menos.

Daí o Bayern ficou morto em campo, e quem se aproveitou foi Marcelo. O lateral brasileiro, que jogou demais, fez uma jogada individual maravilhosa e deixou CR7 (levemente impedido) só pra empurrar a bola para a rede – o hat-trick cheio de controvérsia.

O Real ainda fez o quarto gol do jogo com o excelente Asensio, para fechar o placar em 4×2.

No outro jogo do dia o Atletico de Madrid empatou com o surpreendente Leicester na Inglaterra e garantiu sua vaga nas semis.

O atual vice campeão saiu na frente com um gol de Saul Ñiguez – um gol que praticamente garantia a classificação pois o Leicester precisava fazer três.

Saul comemora o gol da classificação do Atleti

O Vardy ainda marcou para o valente Leicester, mas já era claro que o mais importante era sair com pelo menos um gol, e quem sabe um vitória.

O Leicester foi muito além donque qualquer um poderia imaginar, e sai de cabeça erguida.

O Atleti chega a mais uma semifinal, onde poderemoa ver uma reedição de duas das três últimas finais.

Amanhã teremos a definição dos outros dois finalistas, e o sorteio das semis na sexta-feira pela manhã. 

Até a próxima …

1 comentário

  1. Pack muito bom sua crônica….parabéns…

    *================================================*

    *Marcos Bertoli*

    *Consultor de Negócios (Compra & Venda de Empresas).*

    Mobile=+ 55 45 9936-8543 / + 55 45 3225-9475

    Skype= marcos-bertoli

    E-mail= marcosbertoli.brasil@gmail.co m

    *================================================*

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s